Tel: +351 279 342 847 >>> Email : geral@misericordiamogadouro.com

Provedor da Misericórdia de Mogadouro quer ajudar doentes mentais institucionalizados

O provedor da Santa Casa da Misericórdia de Mogadouro quer no futuro implementar na instituição um departamento direcionado para as doenças do foro psíquico, como Alzheimer.

João Henriques realça que este tipo de enfermidades tem vindo a alastrar-se e é preciso dar resposta aos portadores de doenças mentais que estão institucionalizados.

Doenças Santa Casa 1 (Rádio)

“Eventualmente no futuro, vamos ver como é que as coisas vão evoluir, mas há uma coisa que se nota muito que tem a ver com as doenças mentais, com as pessoas que estão nos lares não tem grande tipo de respostas, julgo ter também a ver com as instituições que possam dar apoio a quem tem problemas mentais”, revela o provedor.

Quanto às contas da instituição, a Misericórdia de Mogadouro vive um momento de plena saúde financeira.
O provedor frisa que face à conjuntura nacional é muito positivo.

Doenças Santa Casa 2 (Rádio)

“Neste momento a Casa da Misericórdia de Mogadouro pertence ao pequeno grupo de Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) que não tem nenhum tipo de dívida, nem a fornecedores, nem a funcionários, nem inclusivamente à banca. A situação, não se pode dizer que é extraordinária mas no panorama que existe, não ter um cêntimo de divida para com ninguém já é uma grande situação financeira”, explica João Henriques.

 

A Misericórdia tem em construção um novo lar que irá acolher 52 utentes e vai criar cerca de 25 postos de trabalho.
O valor do investimento ronda os 2,3 milhões de euros.
A conclusão das obras da nova instituição estão previstas para Junho do próximo ano.

Escrito por  Onda Livre (CIR)

Views All Time
Views All Time
292
Views Today
Views Today
1

Posted by Misericórdia de Mogadouro

Misericórdia de Mogadouro

view all posts

A Irmandade da Santa Casa da Misericórdia de Mogadouro foi fundada em 1559 através de Bula do Papa Pio IV quando ainda o distrito de Bragança pertencia à diocese de Braga. Iniciou a sua actividade eminentemente social, tendo como sede um primitivo hospital, já demolido muito próximo da actual Igreja da Misericórdia.


0 Comentários

Formulário de Comentários

ir para o topo